domingo, 3 de maio de 2009

Cd “Bomba” ou “explosivo” – Cd tem capacidade de se despedaçar sozinho no Drive de Leitura causando um efeito “explosivo”

Pessoal isso não é mais um tipo de armamento terrorista (brincadeiras a parte, hehe :-)), mas é verdade e recentemente mais uma vez por sinal acontece comigo que um cd colocado no meu leitor “explodiu” dentro dele.

Veja a seguir as Fotos em flash do WebPicasa



Na primeira vez o computador não era nem meu, mas eu tinha colocado um cd no PC e quando fui para o quintal de casa escuto um estouro dentro de casa a principio como era época de São João pensei “Não é possível jogaram uma bomba de casa” o som foi tão forte que eu me assustei e quando fui olhar o era que tinha acontecido veio a surpresa, não era bomba era o cd que tinha se despedaçado completamente dentro de unidade cd-rom. Como era a primeira vez que isso tinha acontecido comigo fiquei um pouco apreensivo em relação se o Drive ainda ia funcionar. Abri-o limpei e graças a Deus funcionou direitinho.
Eu já tinha visto isso na internet no site de Gabriel Torres (clube do hardware), mas não dei muito bola não na época, porém e é claro que é lógico que quando isso aconteceu acessei novamente e fui ver os motivos que levam a isso acontecer. Agora aconteceu novamente comigo no meu computador, a única diferença é que o som não foi tão forte infelizmente eu estava próximo e não teve jeito tomei outro susto. Em minha opinião nenhuma das explicações no artigo de Gabriel Torres para os que cd´s explodirem dentro dos leitores é suficientemente plausível para explicar o que exatamente levava o cd a se despedaçar tão violentamente. No artigo de Gabriel cita que mesmo cd industriais gravado de fábrica, que em geral tem mais qualidade, também tem acontecido isso então a explicação de cd de baixa qualidade nem sempre pode ser verdadeira e pela quantidade de posts no fórum isso acontece muito mais freqüentemente do que você imagina. Algumas suspeitas caem sobre unidades de marca Creative 52x, mas muitos reclamaram mesmo com marcas diferentes, então um modelo e marca não é suficiente para explicar é outro problema que causa isso. Outra explicação mais interessante segundo Gabriel torres enviada por um dos seus leitores seria que:

O CD-ROM poderá explodir dentro da unidade caso o seu disco plástico central estiver rachado ou quebrado. O disco plástico central a que nos referimos é aquele normalmente transparente que fica em volta do furo central do CD. Com a rotação do CD dentro da unidade, a rachadura do disco central tende a aumentar, fazendo um trajeto do centro até a borda do CD. Como o CD está girando muito rapidamente dentro da unidade, quando essa rachadura maior se forma, o CD quebra. Por causa da alta velocidade e dos mecanismos existentes dentro da unidade de CD-ROM, o CD se parte em vários pedaços, ocasionando o efeito "CD explosivo".

Porém ao analisar os comentários no artigo de Gabriel Torres deixados pelos Leitores muitos discordaram dessas afirmações, pois CDs bem conservados e mesmo originais também “explodiram”. A minha primeira hipótese para isso é que poderiam ser a qualidade da mídia, mas como alguns disseram que CDs industriais também explodiram e outros também eram bem conservados, assim sendo esta hipótese foi descartada. Agora estou seguindo a linha que o problema poderia a chamada “Força centrífuga” essa força acontece em objetos que estão em movimentos curvilíneos ou circulares como os cd`s numa unidade de leitura. Essa força atua do centro para as partes da extremidade do objeto, para exemplificar poderíamos citar as roupas numa máquina de lavar que ao iniciar aquele movimento mais forte para enxugar a roupa todas elas no final do processo ficam nas extremidades do tanque da máquina. No caso dos CDs velocidade de rotação exerce uma “Força centrífuga no cd em que é pressionado a se expandir para os lados, essa pressão acaba sendo exercida nas moléculas do mesmo. Agora que outras variáveis também vão influenciar a “Explosão do cd” só que não isoladas, mas em conjunto são elas a temperatura do cd, altas temperaturas térmicas ajudam expandir as moléculas do cd; dependendo da qualidade do cd, a qualidade do cd vai influenciar a fragilidade do objeto em relação as essas forças; a velocidade de rotação que depende do conteúdo do cd, a pressão exercida pela “Força centrífuga” é diretamente proporcional a velocidade de rotação isto que dizer que quanto maior for a velocidade maior será a “Força centrífuga”, só que o máximo de velocidade de rotação que o cd poderá atingir dependerá do conteúdo, isto é, cd de áudio e DVD de filmes comuns geralmente são lidos a baixa velocidade porque neste caso a velocidade de rotação não afetará desempenho da execução dos mesmos, agora nos casos de CDs e DVD com conteúdo de arquivos (programas ou jogos) a velocidade será a máxima do Drive.

Eu acho na primeira vez que aconteceu comigo a temperatura também influenciou que isso acontecesse já que se passaram vários minutos até a “explosão”, já na segunda vez acredito que a causa além vir da rotação também vieram da trepidação e fragilidades pela baixa qualidade da mídia todos esses fatores em conjunto contribuíram para que isso acontecesse novamente e provavelmente na maioria dos casos a velocidade de rotação é chave para esse mistério e foi uma das causas da minha segunda experiência que está documentada nas fotos seguintes:

cd despedaçado
Imagem 1: O cd despedaçado e o leitor logo após o incidente
cd bombaImagem 2: O cd despedaçado e o leitor aberto com a limpeza sendo feito cd explosivoImagem 3: O leitor totalmente aberto com a limpeza já realizada e o que restou do cdcd em cacosImagem 4: O que restou do cd em cacos

Imagens de outros usuários que também sofreram isso

restos de cd quebradoImagem 5: O leitor semi aberto com cacos que restou do cd
sobrou do cd pedaçosImagem 6: O leitor totalmente aberto e o que sobrou do cdcd original quebradoImagem 7: Restos de um cd industrial Icd original quebradoImagem 8: Restos de um cd industrial II


Reveja as Fotos






Segundo Gabriel Torres e também é o mais indicado e recomendado é que os usuários gravem e salvem seus cd ou DVD com Backups feitos em imagem de cd ISO que pode ser feito pelo WinIso (Só que isso é tema para outro Artigo, mas no Mundo do Microsoft Windows). A tendência também mostra que CDs para armazenagem de arquivos temporários e também para outros fins irão cair em desuso com o tempo por causa dos pen drivers e mp3 players que estão se tornando cada vez mais comuns e as pessoas também estão tomando este hábito comum, essa tendência se solidificará no tempo em que as pessoas se acostumarem com a tecnologia e elas se tornarem cada vez mais uma necessidade fundamental da sociedade.


Download do Comentário:

.doc – 1.722 KB - Download
.pdf – 659 KB - Download

Referências:

http://www.clubedohardware.com.br/artigos/729/1
http://forum.clubedohardware.com.br/archive/cd-rom-explosivo/198626
http://pt.wikipedia.org/wiki/For%C3%A7a_centr%C3%ADfuga