quinta-feira, 26 de janeiro de 2012

O que computação em nuvem? e software como serviço?

Pessoal apresento a minha monografia que foi defendida por mim em novembro de 2011 na faculdade sete de setembro (Fasete). Ela mostra numa visão de como a computação em nuvem e o software como serviço podem ser uma ferramenta inovadora de competitividade.


MELO, Marcelo Magno Espíndola de. Análise do Sistema de Informação Gerencial ERP e Gestor no Modelo de Computação em Nuvem como Ferramenta Estratégica de Competitividade: Um estudo de caso com os clientes da empresa Zipline. 2011. 117f. Monografia (Curso de Bacharelado em Administração) Faculdade Sete de Setembro, FASETE. Paulo Afonso-BA.


RESUMO


A computação em nuvem vai muito além da simples eficiência no uso de recursos empresariais, para a IBM (2011) este modelo é apenas uma das formas de tornar o consumo dos recursos naturais do planeta mais inteligente. O objetivo deste trabalho foi avaliar e analisar a existência das vantagens obtidas pela computação em nuvem e do software como serviço divulgado pelos meios de comunicação. Para cumprir com este objetivo foi necessário uma pesquisa bibliográfica que na sua grande maioria se resumiu a artigos e monografias da disciplina de Sistemas de Informação, que também pela sua dificuldade em ser encontrados foram localizados somente na Internet. Como não foram encontrados artigos ou monografias publicadas na área de Administração que relatasse sob o ponto de vista das empresas a opinião delas e experiência sobre esse novo modelo de computação, tornou esta monografia inovadora e pioneira. Outro ponto fundamental para o trabalho, foi a pesquisa realizada aos clientes do eGestor do tipo quantitativa e a entrevista e questionário qualitativos aplicados ao administrador da empresa desenvolvedora desse software, a Zipline que, sobremaneira puderam esclarecer ao autor as indagações da pesquisa e sobre a computação em nuvem que não é uma única tecnologia, mas um conjunto de tecnologias empacotadas com o objetivo de entregar os recursos computacionais no formato de serviços através de assinaturas ao invés da compra de ativos tecnológicos ou licenças de software. Assim, conclui-se que a computação em nuvem é uma nova forma de consumir recursos de tecnologia de informação que potencializa as empresas se abster de gerenciar sua própria infraestrutura de hardware na qual exige alto nível de complexidade e procedimentos que nem sempre elas possuem capacidade financeira e de conhecimento para gerenciar com qualidade esses recursos. A computação em nuvem permite as empresas transferir essa complexidade de gerenciamento a terceiros que possuem mais capacidade em conhecimento para fornecer esses recursos de computação com mais qualidade e garantias de confiabilidade e segurança com até menos custos totais de propriedade.